Os Nossos Princípios

Our Core Principles

Ciência que serve o bem-comum

A ciência é um processo, e não um produto – uma ferramenta de descoberta –  que nos permite  expandir e rever constantemente o nosso conhecimento acerca do Universo. Como tal, a ciência serve o interesse de todos, e não apenas o dos poderosos. Enquanto membros de sociedades livres, é nosso dever proteger o direito ao acesso ao conhecimento, à possibilidade de aprender, interagir e até de moldar o conhecimento científico.

Educação científica de ponta

Apoiamos uma educação científica que promova o pensamento crítico em crianças e adultos, que os ensine a fazer perguntas, e a avaliar o mundo a partir de factos baseados em evidências cientificamente comprovadas. A ciência não deve estar apenas ao dispor de alguns. Cada pessoa, independentemente do seu passado ou proveniência, tem direito a uma educação que apoie a aprendizagem do método científico, e dos conhecimentos científicos actuais, que, em conjunto com  as Artes e as Humanidades, ajude a construir um conhecimento adequado do mundo.

A ciência precisa de perspectivas diversas, e para isso é urgente trabalhar em conjunto com as gerações futuras para garantir que a nova geração saiba incluir  grupos historicamente  subrepresentados na ciência.

Comunicação aberta e transparente, e divulgação pública inclusiva

O acesso a informação baseada em factos comprovados pelo método científico é um direito público.  Impedir o acesso aos dados obtidos a partir da investigação financiada por fundos públicos, que resultam da contribuição tributária de todos, limita a nossa  liberdade, e a nossa capacidade de estarmos correctamente informados antes de tomarmos decisões. A promoção de uma eficaz comunicação pública  dos resultados obtidos a partir da investigação científica deve ser um princípio básico da nossa sociedade.  

Políticas e regulamentações que sirvam o interesse público, baseadas em factos

A ciência observa e questiona o mundo que nos rodeia. A nossa compreensão científica do mundo encontra-se em constante desenvolvimento, dando origem a novas questões, e novas respostas. A ciência é um método de constante melhoria da nossa forma de observar o mundo, e responder às questões que esta observação apresenta, permitindo construir um corpus de conhecimento baseado em factos. Este conhecimento deve ser utilizado para o desenvolvimento de políticas e regulamentações que sirvam o interesse público. Assim, as decisões políticas que afectam a vida de todos os cidadãos portugueses, europeus, e de toda a parte do mundo, devem utilizar informação baseada no consenso científico, e não em interesses ou opiniões pessoais.

Financiamento da investigação científica e das suas aplicações

Acreditamos que o Orçamento de Estado deve reflectir o papel vital que a ciência tem no suporte da nossa democracia. Defendemos uma adequada dotação financeira do Orçamento de Estado para o apoio da investigação e do emprego científicos, e para o apoio da aplicação da ciência em políticas de gestão. Este financiamento não deve ser limitado a áreas de investigação específicas, mas sim ser inclusivo das diversas disciplinas do conhecimento.  

Science that serves the common good

Science is a process, not a product — a tool of discovery that allows us to constantly expand and revise our knowledge of the universe. Scientists work to build a better understanding of the world around us. In doing so, science serves the interests of all humans, not just those in power. We must protect the rights of every person to engage with, learn from, and help shape science.

Cutting Edge Science Education

We support education that teaches children and adults to think critically, ask questions, and evaluate truth based on the weight of evidence. Every person, from every background, deserves an education that encourages learning the scientific method and the current scientific understanding of the world alongside the arts and humanities. Science needs  diverse perspectives, and we must work with the next generation to include historically underrepresented groups.

Open and honest science communication and inclusive public outreach

Access to information discovered through the scientific process is a public right.  Our taxes support scientific research and withholding scientific results limits the public’s ability to make informed decisions. Promoting the effective communication of the results of scientific inquiry in a public way should be a core principle of society.  

Evidence-based policy and regulations in the public interest

Science observes and asks questions about the world. Our understanding of the world is constantly changing, presenting us with new questions and answers. Science is a method  to examine these questions, enabling us to craft improved policies and regulations that serve society’s best interests. Political decision-making that affects the lives of the Portuguese, other Europeans and the world at large should make use of peer-reviewed evidence and scientific consensus, not personal whims and decrees.

Funding for scientific research and its applications

We believe that the government’s budget should reflect the vital role that science plays in supporting our democracy. We advocate public funding in support of research, scientific hiring, and the application of science to policy and management. This funding cannot be limited to any specific fields, it must be inclusive of diverse disciplines.

Os nossos Objectivos com esta Marcha

Our Goals for This March

Humanizar a ciência

A ciência é, antes de tudo, um processo humano – é conduzido, aplicado e apoiado por um conjunto alargado de pessoas. O método científico não é um processo abstracto independente da cultura ou da comunidade a que pertence cada um dos seus agentes. É um empreendimento levado a cabo por pessoas que pretendem expandir o nosso conhecimento do mundo, com o intuito  de construir uma sociedade melhor e mais informada.

Apoiar os cientistas

Unimo-nos no nosso apoio aos cientistas. Prometemos falar por eles quando forem silenciados, protegê-los quando forem ameaçados, e apoiá-los quando sintam que não podem servir as suas instituições. Deve ser permitida aos cientistas, tanto no sector público como no privado, a comunicação livre dos seus resultados, sem qualquer distorção ou medo de represálias.

Defender uma ciência aberta, inclusiva e acessível a todos

Iremos esforçar-nos para destruir quaisquer barreiras na nossa comunidade. A carreira científica deve ser uma opção para qualquer pessoa apaixonada pela descoberta.  O processo e os resultados científicos devem estar acessíveis a todos.  O método científico ajuda a informar os processos de decisão de todos, desde as decisões que fazemos enquanto consumidores, até às políticas que adoptamos através do debate público. Ao juntarmos cientistas num evento público para o debate à volta do mundo, damos voz ao nosso apoio pela livre disponibilidade da ciência.

Relação com os cidadãos

Juntamo-nos enquanto cientistas e apoiantes para salientar a importância da relação entre os laboratórios e a sociedade. A ciência funciona melhor quando os cientistas interagem de maneira eficaz com as comunidades que servem: esta comunicação é feita através da partilha dos resultados científicos com a comunidade bem como pela promoção da função que essas mesmas comunidades devem ter na construção, na partilha e na participação no processo de investigação. Inspiramo-nos nas comunidades para novas questões que o próprio processo científico levanta.

Afirmar a Ciência como um valor democrático

A ciência é vital para o funcionamento das democracias, dá espaço à inovação, ao pensamento crítico, a uma melhor compreensão do mundo, e melhor qualidade de vida para todos. Ao marcharmos em Washington, Lisboa, e um pouco por todo o mundo, sentimos que estamos a dar passos firmes para nos tornarmos mais activos nas nossas comunidades, e na vida democrática. Lutaremos para que os nossos líderes – tanto na ciência como na política – sigam os mais altos padrões de honestidade, justiça, e integridade.

Juntos trabalharemos para assegurar que a comunidade científica sirva para fortalecer a nossa democracia.

Humanize Science

Science is first and foremost a human process—it is conducted, applied, and supported by a diverse body of people. Scientific inquiry is not an abstract process that happens independent of culture and community. It is an enterprise carried out by people who seek to expand our knowledge of the world in the hope of building a better, more informed society.

Support Scientists

We gather together to stand up for scientists, including those in public service. We pledge to speak up for them when they are silenced, to protect them when they are threatened and to provide them with support when they feel they can no longer serve their institutions. Scientists in both public and private sectors must be allowed to communicate their results freely, without misrepresentation or distortion and without the fear of retribution.

Advocate for open, inclusive, and accessible science

Scientists strive to break down barriers in their own community. A career in science should be an option for anyone and everyone who is passionate about discovery. Likewise, the process and results of scientific inquiry should be open to all. Science can effectively and accurately inform the decision-making of all people, from the choices we make as consumers to the policies we adopt through public debate. By bringing scientists to provide an ‘Open Day’ for discovery and teaching in public spaces around the globe, we voice our support for science being freely available.

Partner with the Public

We join together as scientists and supporters of science to embody the importance of partnerships formed between the lab and the broader community. Science works best when scientists effectively engage with the communities they serve: by sharing their findings with the communities  as well as  by promoting the role these communities should have in  shaping, sharing, and participating in the research process. We also look to the public for inspiration about what new questions need to be asked about the world around us.

Affirm Science as a Democratic Value

Science is a vital feature of a working democracy, spurring innovation, critical thinking, increased understanding, and better, healthier lives for all people. The scientists who join this march take one of the many steps to become more active in our communities and in democratic life. We hold our leaders—both in science and in politics—accountable to the highest standards of honesty, fairness, and integrity.

We gather together to send a message: we will all work to ensure that the scientific community is making our democracy stronger.